GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO
OBRAS E MAIS ASFALTO

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Ex-aluna do IFMA Campus Buriticupu vence prêmio nacional de monografia

A ex-aluna do curso de Tecnologia em Gestão Pública do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus Buriticupu, Leonilde Silva, venceu o 15º Prêmio Excelência Acadêmica, realizado pela Fundação Instituto Capixaba de Pesquisas em Contabilidade, Economia e Finanças (FUCAPE). A premiação, que aconteceu no dia 16 de agosto na sede da FUCAPE em Vitória (ES), lhe rendeu uma bolsa integral do Mestrado em Administração da instituição.

A premiação é conferida anualmente à melhor monografia ou Trabalho de Conclusão de Curso produzido por alunos de instituições de ensino superior de todo o território nacional. A monografia, que foi orientada pelo professor Lindemberg Costa Júnior, atualmente lotado no IFMA Campus Avançado Porto Franco, tem como título “Atributos de qualidade dos candidatos ao poder executivo municipal: análise na visão dos eleitores buriticupuenses”.

Em seu discurso como vencedora, Leonilde Silva fez diversos agradecimentos. “Primeiramente agradeço a Deus por esta conquista e por mais esta graça em minha vida. Dedico esta vitória a minha saudosa mãe, responsável pela minha educação, sonhos e coragem. Ao meu irmão, Leonardo Silva, pelo exemplo de pessoa e por tudo que representa em minha vida. E agradeço, também, ao meu orientador, o professor Lindemberg Costa Júnior, que sabiamente me instruiu na construção dessa monografia. Enfim, agradeço a todos que me apoiaram, incentivaram e acreditaram em mim”, declarou a ex-aluna.

Leonilde Silva também venceu na categoria “Voto Popular” e ganhou uma viagem de três dias para a cidade de Salvador (BA), com direito a um acompanhante.

O Prêmio Excelência Acadêmica é realizado pela FUCAPE, promovido pela ArcelorMittal Brasil, e conta com o apoio do Conselho Regional de Contabilidade do Espírito Santo (CRC-ES); do Conselho Regional de Economia do Espírito Santo (Corecon-ES); do Conselho Regional de Administração do Espírito Santo (CRA-ES); da Federação das Indústrias do Espírito Santo (FINDES) e do Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (IBEF-ES).
Resultado disponível aqui.

Do Site  do IFMA Com informações do Campus Buriticupu.

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

MP-MA Realiza Workshop sobre Monitoração Eletrônica no Maranhão

Tornozeleira 02
Workshop apresentou sistema de monitoração eletrônica
Tornozeleira 01
Cláudio Cabral elogiou portaria conjunta sobre o tema
Tornozeleira 03
Tarcísio Bonfim enfatizou necessidade de aprimoramento constante
Tornozeleira 05
Luiz Gonzaga ressaltou benefícios do sistema de monitoramento
Tornozeleira 04
Workshop busca capacitar membros e servidores
Tornozeleira 06
Para Pedro Lino Curvelo, sistema diminui superlotação
Tornozeleira 07
Tornozeleira foi apresentada pela Seap
Teve início na manhã desta segunda-feira, 21, no auditório da Procuradoria Geral de Justiça, o Workshop sobre Monitoração Eletrônica. O evento é uma iniciativa do Ministério Público do Maranhão, por meio do Centro de Apoio Operacional Criminal (CAOp-Crim) e Escola Superior do Ministério Público (ESMP), reunindo instituições como as Polícias Civil e Militar e as Secretarias de Estado de Segurança Pública e Administração Penitenciária.

Com base na portaria conjunta sobre o disciplinamento da monitoração eletrônica, desenvolvida em parceria pelo Ministério Público, Poder Judiciário, Seap, e polícias, estão sendo realizados workshops nos diversos órgãos, para que as equipes conheçam o processo de monitoração. O primeiro foi realizado para os servidores da segurança pública, o segundo está acontecendo no Ministério Público e o terceiro será voltado para o Judiciário, na próxima sexta-feira, 25.

Além do disciplinamento, um aplicativo para celulares (sistema de Inteligência, Informação e Segurança Penitenciária - SIISP) foi desenvolvido pela Seap e poderá ser utilizado por integrantes de todos os órgãos envolvidos no controle das tornozeleiras eletrônicas de maneira simples e rápida. “Esse é um avanço porque a fiscalização evita o encarceramento. Mas nós não podemos ter um sentimento de impunidade. Se nós não fiscalizamos, vira uma situação de faz de conta”, observou o coordenador do CAOp-Crim, José Cláudio Cabral Marques.

Na abertura do evento, Cláudio Cabral falou sobre os avanços obtidos pelo Maranhão nos últimos anos no que diz respeito ao controle do sistema penitenciário, deixando o Estado de ser tema de manchetes constantes na imprensa nacional. Hoje, iniciativas maranhenses são, inclusive, exemplo para outros estados brasileiros.

O presidente da Associação do Ministério Público do Estado do Maranhão (Ampem), Tarcísio José Sousa Bonfim, ressaltou que o tema do workshop está em desenvolvimento constante, o que demanda a capacitação e o aperfeiçoamento dos promotores de justiça de modo a combater uma criminalidade que se organiza a cada dia.

Já o procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, ressaltou o processo de fortalecimento dos Centros de Apoio Operacional do Ministério Público do Maranhão, “por entender que as atribuições de coordenação e apoio dos trabalhos desenvolvidos pelos órgãos de execução devem ser executados pelos CAOps em seu grau máximo de excelência”.

Para Luiz Gonzaga Coelho, a monitoração eletrônica permite uma redução da população prisional no país, trazendo outros benefícios como a manutenção dos vínculos familiares e sociais daqueles que cometeram crimes de menor potencial. Além disso, o eficaz monitoramento das tornozeleiras eletrônicas traduz-se em maior segurança à sociedade.

Também participaram da mesa de abertura dos trabalhos a ouvidora do Ministério Público do Maranhão, Rita de Cassia Maia Baptista; a promotora de justiça Rosanna Conceição Gonçalves, representando a ESMP; o coordenador do Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), Marco Aurélio Cordeiro Rodrigues; a subsecretária de Estado da Administração Penitenciária, Ana Luísa Falcão; e o delegado Maymone Barros, representando a Secretaria de Estado de Segurança Pública.

PALESTRAS

O primeiro tema tratado no Workshop sobre Monitoração Eletrônica foi “A tornozeleira eletrônica no ordenamento jurídico nacional – Portaria 09/2017”, apresentado pelo coordenador do CAOp-Crim, Cláudio Cabral. Em sua fala, o promotor de justiça falou sobre como os mecanismos de monitoração eletrônica são uma realidade constante na sociedade atual, e o contexto de inserção dessas tecnologias no sistema prisional.

A utilização de equipamentos eletrônicos evitando a aplicação de penas privativas de liberdade teve início nos Estados Unidos, na década de 1980. No Brasil, a primeira legislação tratando desse tema surgiu em 2010.

Para o membro do MPMA, esse tipo de instrumento evita o encarceramento desnecessário de pessoas que teriam, assim, facilitada a sua inserção em organizações criminosas, além de terem ainda mais degradada a sua humanidade.

Por fim, Cláudio Cabral defendeu uma alteração na estrutura da instituição, com a criação de Promotorias de Justiça Especializadas em Segurança Pública, com a consequente capacitação e especialização de seus membros e servidores.

INVERSÃO DE LÓGICA

O promotor de justiça Pedro Lino Silva Curvelo, titular da 2ª Promotoria de Justiça de Execução Penal de São Luís, abordou “A inversão da lógica da prisão e seus efeitos no sistema prisional”. De acordo com o promotor, vive-se um momento de encarceramento em massa, com aumento da população carcerária, em um sistema que não cumpre a sua função.

Para Pedro Lino Curvelo, muitas pessoas que estão inseridas no sistema carcerário não precisariam estar presas, embora devam pagar pelos crimes que cometeram. De acordo com o promotor de justiça, a situação de superlotação das cadeias é um dos fatores que mais contribuem para a falência do sistema, pois não se alcança a ressocialização e, ao contrário, há uma especialização dos criminosos na medida em que responsáveis por crimes de menor potencial ofensivo convivem diretamente com condenados por crimes graves.

Além disso, os espaços superlotados impedem a existência de condições mínimas de conforto e higiene, aumentam as tensões, fugas e rebeliões, além de dificultar a gestão das unidades prisionais.

O promotor de justiça falou, ainda, sobre as políticas de desencarceramento existentes no Brasil, e apresentou números e dados sobre o sistema prisional brasileiro. O país é o terceiro com maior população carcerária no mundo, com um déficit de mais de 230 mil vagas, de acordo com dados de 2014.

PROGRAMAÇÃO

Ainda durante a manhã, houve a apresentação de dados estatísticos sobre o serviço de monitoração eletrônica no Maranhão e sobre “A tecnologia das tornozeleiras eletrônicas e a organização administrativa da Seap para gestão da ferramenta”.

À tarde, o promotor Cláudio Cabral apresentará o Programa para Controle de Inquéritos (Ipol). Em seguida, o delegado Maymone Barros falará sobre o uso do monitoramento eletrônico na investigação policial. Por fim, o coronel Luís Eduardo Vaz, da PMMA, falará sobre “A atuação do Sistema de Segurança Pública na fiscalização de pessoas monitoradas”.


Redação: Rodrigo Freitas (CCOM-MPMA)
Fotos: Francisco Colombo (CCOM-MPMA)

domingo, 20 de agosto de 2017

PALAVRA DO PÁROCO.

SEJA- BEM VINDA MÃE APARECIDA!
A mãe de Jesus, Maria de Nazaré é muito bem - vinda em nossa cidade e somos agradecidos por esta visita que nos trará alegria e esperança, num tempo onde estas duas realidades nos parecem distante. A imagem, o ícone de Nossa Senhora Aparecida nos lembra da história de alguns pescadores que foram pescar e só acharam uma velha imagem no rio Paraíba no ano de 1717, que os ajudou a entrarem em comunhão com Deus.   Naquele local foi edificada uma Igreja que depois tornou-se um santuário para todo o povo brasileiro. Pois assim como os pescadores do lago de Genesaré que nada pescaram durante toda a noite eles encontraram Jesus que mudou o rumo das suas vidas para sempre e os enviou para serem pescadores de homens e mulheres para o mestre Jesus. ( Lc , 5, 1-11.).

 Dia 22 de agosto dia de Nossa Senhora Rainha. A nossa comunidade Católica de Buriticupu da paróquia Santa Rita de Cássia e Santa Luzia acolherão às 07h00 da manhã no povoado buritizinho, a imagem de Nossa Senhora Aparecida que está percorrendo todo o Brasil com a mesma alegria de Isabel e diremos para ela representada naquela imagem “BENDITA ÉS TU ENTRE AS MULHERES E BENDITO É O FRUTO DO TEU VENTRE” (Lc. 1,42.).

As imagens dos santos e santas, são belas representações artísticas que mostram a nossa sensibilidade e a ternura com aqueles homens e mulheres que acolheram Jesus nas suas vidas e nos servem de referência para nós fazermos o mesmo hoje.
 
Maria, a mãe do filho de Deus, nos ensina que devemos fazer tudo o que Jesus mandar. (Jo, 2,5) Jesus nos ensinou a AMAR E SERVIR AS PESSOAS sem discriminação, sem ódio, sem orgulho, sem vaidades, mas com humildade e compaixão (Lc. 10, 25-37). Por isso, todos os que creem em Jesus, independente da sua comunidade religiosa ou religião, respeitam as mulheres e em especial a mãe do filho de Deus.  Pois as religiões e os (as) lideres religiosos (as), devem educar para convivermos com pessoas que pensam diferente de nós e expressam sua fé de acordo com suas tradições e culturas.

 O próprio Jesus foi vitima de preconceitos por causa da sua origem (Jo. 1,46) Também por causa da sua visita a casa de pessoas que não eram bem vista pelos hipócritas do seu tempo. (Mt, 11,19). Para o cristão, o diferente não deve ser uma ameaça e nem causa de medo ou insegurança. Pior ainda, são as atitudes de intolerância ou falta de respeito partindo de pessoas “religiosas” com o irmão ou irmã que reza ou ora de forma diversa da nossa, revelando o vazio da existência e a falta de amor. Pois quem ama sempre estende a mão. Que não ama sempre tem motivo para acusar o outro. (Ap.12,10).

Maria, a mãe de Jesus cuidou e educou o seu filho, o FILHO DE DEUS para que acolhesse as pessoas tidas como pecadoras, excluídas e impuras com ternura, amor e compaixão própria de que se sente amado por Deus e esta reconciliado com os irmãos e consigo mesmo.  ESTE O LEGADO QUE ESPERAMOS DESTA VISITA DA IMAGEM PEREGRINA DE NOSSA SENHORA APARECIDA.

VAMOS TODOS ACOLHER COM ALEGRIA E MUITA FÉ OS IRMÃOS E IRMÃS DA NOSSA CIDADE PARA UM DIA VERDEIRAMENTE ABENÇOADO COM MARIA SIMBOLIZADA NA IMAGEM DE NOSSA SENHORA APARECIDA.

Pe. Antonio Rodrigues
Pároco da paróquia Santa Rita de Cássia de Buriticupu-MA

Denúncia: Crime ambiental contra o Rio Pindaré

Por G1 MA.
Um dos mais importantes rios do Maranhão vive sob constante ameaça. Milhares de peixes estão morrendo por causa da interferência no curso de um córrego que deságua no Rio Pindaré. Moradores da região estão usando as redes sociais para denunciar o crime ambiental.
Esta semana, algumas pessoas gravaram imagens por meio de celular e mostraram o tamanho do problema. No vídeo,(aqui) vários peixes aparecem sem vida. Barragem e escavações são os principais causadores.

O assoreamento tem sido um problema que vem se agravando a cada dia no Rio Pindaré. A poluição causada inclusive pelo barro das próprias escavações é outro item denunciado.


O Rio Pindaré é um dos maiores e mais importantes do Maranhão. Ele nasce na Serra do Gurupi e tem fim no Rio Mearim. Seu percurso total chega a quase 700 km. Entre as cidades que estão abrangidas pelo rio estão Açailândia, Bom Jesus das Selvas, Buriticupu, Alto Alegre do Pindaré, Santa Inês, Pindaré Mirim, Bom Jardim, Monção.



sábado, 19 de agosto de 2017

Governo do Maranhão capacita profissionais para Resgate Aeromédico


O Governo do Maranhão, por meio das secretarias de Estado de Saúde (SES) e Segurança Pública (SSP), promoveu, nesta semana, uma qualificação para 30 profissionais de saúde que atuam no transporte interhospitalar e com o resgate de pacientes.

Por meio do Centro Tático Aéreo (CTA), o curso de Resgate e Transporte Aeromédico reuniu 19 médicos e 11 enfermeiros na capacitação, treinamento e certificação para o atendimento pré-hospitalar, voltado para missões com uso de helicópteros.

De acordo com o chefe do departamento de Resgate do CTA e coordenador do curso, tenente-coronel Wellington Reis, a capacitação dos profissionais é essencial diante da determinação do Governo do Estado em implantar mais duas bases do CTA no Maranhão, nas cidades de Imperatriz e Presidente Dutra.

“Para todo médico e enfermeiro, mesmo com habilidades com emergência, intensivista, para atuar em operações aeromédicas, precisa de uma qualificação especifica que irá habilitá-lo a operar com helicópteros. Aqui eles vão receber essa qualificação e quando as bases forem instaladas nessas cidades, eles já estarão aptos para operar”, informou o coronel.

O curso segue as normas da Portaria n°2048, do Ministério da Saúde, que determina todo o conteúdo que deve ser ministrado a profissionais de saúde que irão atuar nessa modalidade de transporte sanitário, habilitando-os, para operar em aeronaves. Os 30 profissionais foram selecionados pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), considerando as cidades onde serão implantadas as novas bases.

“A SES selecionou profissionais que já atuam nas ambulâncias que trabalham com pacientes de alta complexidade. Em São Luís, temos duas Unidades de Suporte Avançado (USA), então são profissionais que atuam nesta unidade e os profissionais que atuam na USA de Peritoró, que será a que irá atender a base em Presidente Dutra”, explicou o Coronel Reis.

Participam três médicos e o diretor Administrativo do Hospital Macrorregional Dra. Ruth Noleto, em Imperatriz, que também atuarão na base a ser instalada no município. “O intuito é deixar o pessoal preparado para formar a base que ficará na nossa unidade. É a segunda equipe que o Governo do Estado traz, de forma que quando a base for instalada, estaremos com as equipes que atuam nos plantões todas aptas para esse tipo de transporte”, afirmou o diretor administrativo da unidade, Felype Hanns.

A coordenadora do curso pela SES, Anamélia Pinheiro, explica que o curso foi dividido em parte teórica e prática e teve carga horária de 60h. “Na segunda-feira iniciamos com toda a parte teórica e, desde terça, estamos realizando as atividades práticas. Eles viram sobre comunicação aeronáutica, embarque e desembarque de passageiros no helicóptero, entre outros conteúdos essenciais para quem trabalha com esse tipo de resgate”. 

O médico Luís Alfredo Malheiros destacou a prática com um dos pontos mais importantes da qualificação. “Esse curso é de extrema importância, porque tem como fazer a vivência do que aprendemos teoricamente. Todos os âmbitos que podem acontecer, durante um resgate, nós simulamos nas atividades práticas, de forma que, se formos surpreendidos com qualquer situação, estaremos preparados e saberemos como proceder para que não haja prejuízo no resgate”.

A enfermeira Alaína Rocha, atua na Unidade de Suporte Avançado (USA) que cobre a região de Codó e cidades vizinhas, analisa a capacitação como essencial para esta nova atuação da unidade. “Como o trabalho vai ser ampliado, e a USA que trabalho irá cobrir parte dessa região, para mim, enquanto enfermeira, é importante porque fazer o transporte por terra é completamente diferente do aéreo. Então, agora, estou apta para esse novo cenário em que vamos atuar”, ressaltou.

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Pacientes com vitiligo receberam uma tarde de embelezamento para trabalhar a autoestima

  
Pacientes que realizam atendimento dermatológico no Centro de Especialidades Médicas e Diagnóstico Dr. Luiz Alfredo Netto Guterres, na unidade de saúde Pam Diamante, tiveram um momento diferente na tarde de segunda-feira(14). A unidade, em parceria com o Laboratório Libbs, ofereceu aos pacientes com vitiligo uma tarde de embelezamento com o objetivo de trabalhar a autoestima e, assim, ter melhor adesão e resultado aos tratamentos realizados.

De acordo com a dermatologista Solange Cordeiro, o vitiligo causa a despigmentação da pele devido à ausência de melanina, sintoma que leva muitos pacientes até a depressão. Segundo ela, o fator emocional é relevante para o resultado dos tratamentos.
“Essa ação é importante para melhorar a autoestima dos pacientes. O paciente precisa estar relaxado e confiante. Se ele estiver pra baixo, com baixa autoestima, tiver depressivo, ele desiste do tratamento”, explicou.

O tratamento é realizado a partir da associação das sessões de fototerapia, em que o paciente é submetido a exposição das áreas afetadas à radiação ultravioleta, com medicação.

Ana Célia Sousa realiza o tratamento para vitiligo com fototerapia há dois anos e comentou a importância da ação promovida pelo Centro e pelo Laboratório. “Eu gostei muito, porque deixa a nossa autoestima lá em cima. Eu já usava maquiagem, inclusive sempre chego aqui maquiada, mas há colegas que não sabem e hoje aprenderam como usar também. E para melhorar, ainda saímos daqui com um kit de medicação, que já é uma boa economia pra gente”, contou.

A paciente Edna Fonseca Trindade também saiu feliz com um kit de tratamento, já que o seu estava no fim. “Eu estou super feliz porque meu remédio estava acabando e hoje ganhei um kit novo. Uma maravilha. Adorei”, disse.

Fototerapia na rede pública

Com a aquisição da cabine de fototerapia, o Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), oferece para a população opção para o tratamento de doenças de pele como psoríase, vitiligo ou linfoma cutâneo. O tratamento, antes disponível somente na rede privada, é oferecido no Pam Diamante e possibilita que pessoas de baixa renda tenham acesso gratuitamente.

O tratamento é feito com um aparelho que emite raios ultravioletas na pele e substituirá o uso de remédios distribuídos pela Farmácia Estadual de Medicamentos Especializados (Feme). Com a fototerapia, o Estado gasta de 2% a 3% do que gastaria com a aquisição de medicamentos, além de alcançar resultados mais eficazes.


Fonte: SES
Texto: Flávia Batista
Fotos: Francisco Campos 

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Francisca Primo chama atenção para o alto índice de acidentes envolvendo animais soltos nas BRS do Maranhão

Em pronunciamento feito na sessão desta quarta-feira, 16, a deputada Francisca Primo (PCdoB), fez um alerta à Polícia Rodoviária Federal no sentido de tomar providências em relação aos animais que ficam soltos nas BRS e Mas, causando sérios transtornos aos condutores dos veículos que trafegam em todas as vias do Estado. O alerta também foi feito aos proprietários que deixam os animais soltos.

Na BR-222, por exemplo, segundo Francisca Primo, os acidentes acontecem praticamente todos os dias, a maioria provocados por animais que circulam nas pistas. A todo momento temos noticias de acidentes e, muito deles, com vítimas fatais. Vamos analisar e saber de quem é a responsabilidade e o que podemos fazer para tirar esses animais das estradas”, acentuou a deputada.

Ela citou ainda que no trecho que liga Santa Luzia a Buriticupu e Açailândia, já houve muitas mortes por irresponsabilidade não sabemos de quem. Francisca Primo afirmou que animais de grande porte devem ser mantidos em cercado adequado a sua vivência. Mas, infelizmente, o que se vê diariamente são animais soltos, principalmente, a partir das 17 horas, é grande o número de animais nas BRs do Estado do Maranhão, causando transtorno e fatalidade.
  
É inadmissível não ter segurança para poder viajar e trabalhar ou até mesmo, passear, correndo tanto perigo. Já existem os perigos casuais e ainda temos que nos preocupar com os animais soltos provocando acidentes”, enfatizou a deputada, citando que em menos de um mês entre Buriticupu e Bom Jesus das Selvas, já ocorrerem quatro acidentes, sendo dois com vítimas fatais.

Dentro das cidades também está havendo acidente. Na última segunda-feira, por exemplo, houve um acidente entre uma caminhonete S-10 e um automóvel Celta e dois jumentos na BR-222 próximo à cidade de Buriticupu. No início do mês, morreram dois jovens que estavam numa moto na BR-222 no povoado Nova Vida, no município de Bom Jesus das Selvas. E, no dia 06 desse mês, morreu um agricultor de Buriticupu, vítima de animais na pista. Ele bateu a sua moto num animal. No mês passado uma servidora pública de Buriticupu se acidentou com a sua moto numa avenida  em Buriticupu. Ela bateu a sua moto Biz num jumento e até hoje está com a mão enfaixada porque quebrou o dedo polegar.


Temos que encontrar uma solução para o problema, não podemos cruzar os braços”, disse ela, afirmando ainda que no final da semana passada uma de suas assessora estava indo para Mata Roma, no trecho que liga Vargem Grande a Chapadinha , quando um cavalo surgiu na via por volta das 21h  e quase acontece o pior.  “Os donos desses animais precisam deixar os animais nos cercados e também a Polícia Rodoviária Federal precisa tomar providências quanto a esses animais soltos nas vias públicas do nosso Estado”, finalizou a deputada.

Nice Moraes/Agência Assembleia

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Justa homenagem: Noberto recebe o título de ‘Cidadão Ludovicense’

Do Blog do Michel Sousa.
Noberto 
O escritor Antonio José Noberto da Silva, membro-fundador da Academia Ludovicense de Letras (ALL), e também membro do Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão (IHGM), recebeu o título de Cidadão Ludovicense, na Câmara Municipal de São Luís nesta segunda-feira (14).
A solenidade foi presidida pelo vereador Marcial Lima (Pen), no Plenário Simão Estácio Sá, por volta das 14h30. A proposição do título foi do vereador Marcial Lima que durante o discurso ressaltou a importância do trabalho de Antonio Noberto.
Noberto e Marcial

O Noberto tem um trabalho social na Zona Rural de São Luís, ele é muito ligado aos movimentos e dialoga com os representantes dessas comunidades que anteriormente faziam inúmeras interdições ao longo da BR-135, ele tem esse reconhecimento. Além do trabalho impecável que faz em assessorar a PRF e obviamente como escritor e divulgador da cultura maranhense e ludovicense”, afirmou o vereador.
Na sequência, o escritor agradeceu a presença de amigos ao plenário. “É a coroação de um trabalho de muito tempo, de décadas aqui no Maranhão, seja na PRF ou na parte cultural. Eu já era cidadão de Guimarães, uma cidade maranhense, mas eu não era de São Luís, minha luta é muito em São Luís . Eu sei do potencial que a nossa cidade tem e eu tento demonstrar isso por meio do meu trabalho”, disse.
SOBRE NOBERTO

O idealizador da “Exposição França Equinocial para sempre” nasceu em Pentecoste–CE em 30 de agosto de 1970. Filho de Henrique Firmino da Silva e Raimunda Noberto da Silva, aos sete anos veio com a família para São Luís. Publicou seu primeiro livro em 1994, sendo intitulado “A influência francesa em São Luís”. Em 2006, lançou “Só por uma estação: uma viagem ao Brasil”. Em 2012, junto com a exposição, lançou o livro “França Equinocial: uma história de 400 anos”.
Parabéns Amigo Noberto, Deus te abençoe sempre.    

Vem ai: O Dia do Evangélico em Bom Jesus das Selvas-MA


segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Animais na pista provocam acidente de trânsito na BR222 em Buriticupu

Parece noticia repetida, mais infelizmente não é, o titular do BLOG JO FERNANDES, registrou mais um acidente de transito na tarde de hoje (14), na BR222 no perímetro urbano que corta a cidade Maranhense de Buriticupu, o acidente do dia foi entre uma camionete S10, um automóvel Celta e um casal de jumentos.

Segundo o motorista de um dos carros envolvidos, o motorista da S10 foi obrigado a fazer uma frenagem brusca por conta de um casal de jumentos que invadiu a pista, ainda segundo nosso entrevistado, o condutor do Celta não teria conseguido para a tempo e bateu na lateral da S10, apesar da força do impacto e dos danos causados nos veículos, nenhum dos ocupantes dos veículos envolvido sofreram lesões nem mesmo os jumentos.

É grande o número de animais que perambulam nas ruas, praças, avenidas e na BR222 em Buriticupu, causando acidentes, Infelizmente já estar virando rotina esse tipo de ocorrência na cidade.


 No final do mês passado uma servidora pública sofreu um acidente quando pilotava sua moto e foi atropelada por animais em plena Avenida Castelo Branco no centro da cidade, o acidente lhe deixou com parte da mão imobilizada, no dia primeiro desse mês um casal de jovens perderam suas vidas quando pilotavam um motocicleta e bateram em um animal, (aqui), no dia 06 em outro acidente com as mesmas características, ceifou a vida do agricultor Colâ (aqui), e olha que só estamos na metade do mês. 

SENARC APREENDE CERCA DE 6KG DE CRACK NO BAIRRO SÃO FRANCISCO

Dando continuidade às ações de combate ao tráfico de drogas na capital maranhense, a Polícia Civil, por intermédio da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico - SENARC, efetuou na noite de ontem (12.08.2017), a prisão de FRANCIMAR LOPES vulgo "MAMA", 28 anos de idade, e JANAINA DOS SANTOS PIZON, 35 de idade. Com os quais foram aprendidos aproximadamente 6kg de substancia entorpecente tipo crack, acondicionados em litros plásticos.

A ação policial ocorreu após denúncias anônimas, via aplicativo whatsApp, dando conta que os referidos indivíduos estavam conduzindo uma motocicleta Honda, de cor preta, nas imediações da Travessa Antônio Rego, bairro São Francisco, e que estavam de posse da referida substância. Diante de dadas informações, equipes da Senarc se deslocaram até o local, onde os conduzidos foram localizados e abordados quando transportavam o material entorpecente. 

Após a constatação dos fatos, todos foram encaminhados à sede da SENARC, onde foram autuados em flagrante delito por prática de crime de tráfico ilícito de drogas e associação para o tráfico de droga. Em seguida, foram encaminhados ao Centro de Triagem do Complexo Penitenciário de Pedrinhas onde ficarão à disposição do Poder Judiciário.

fonte:SENARC

Justiça manda tirar tornozeleira de advogada por excesso de prazo

A incisiva atuação do presidente do Sindicato dos Advogados do Maranhão (SAMA), Mozart Baldez, junto ao Poder Judiciário do Estado permitiu que a advogada Paulyana Ribeiro (foto abaixo) ficasse livre da tornozeleira eletrônica – peça de monitoramento que tinha sido imposta a ela, no dia 05 de julho de 2016, por determinação da Juíza da Central de Inquérito de São Luís.

Procurado por Paulyana, enquanto presidente do sindicato da categoria, Baldez iniciou os procedimentos para fazer cessar as violências arbitrárias da qual a colega de profissão fora vítima.

O sindicalista que assumiu a defesa da advogada protocolou um requerimento endereçado ao Diretor da Superintendência de Monitoramento Eletrônico de Administração Penitenciaria da SEJAP.

No documento, o advogado relatou que não houve pedido de renovação da medida cautelar de monitoramento até a presente data, conforme certidão anexada na última terça-feira pela Primeira Vara Criminal. Por esse motivo, Baldez alega a inexistência de denúncia contra a sua cliente e a existência de constrangimento ilegal no monitoramento por excesso de prazo.

Citando o Artigo 8º da Portaria 0009/2017, o causídico ainda defendeu que a permanência da monitoração eletrônica por quase um ano, afronta os princípios da provisoriedade e da proporcionalidade, inerentes às medidas cautelares diversas.

Em 06 de junho de 2017, o Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão assinou Portaria conjunta com outros órgãos, inclusive, com o secretário de Estado de Administração Penitenciaria do Maranhão (SEJAP), Murilo Andrade de Oliveira, no sentido de estabelecer diretrizes para a imposição de monitoração de pessoas no âmbito do Estado do Maranhão”, declarou o advogado em seu argumento reforçando ainda que nesse sentido, o Artigo 8º da Portaria 0009/2017 estabelece a seguinte norma:

Que o prazo máximo de uso de equipamento de monitoração eletrônica para monitorados em situação de provisoriedade será de 100 dias, podendo ser renovado quantas vezes forem necessários, desde que justificada a renovação por meio de decisão fundamentada”.

Após protocolar o documento na Sejap, o presidente do SAMA foi à 3ª Vara Criminal para tratar sobre o assunto alegando que não se justificava a manutenção da medida que já estava constituindo constrangimento ilegal, porque afrontava a própria Portaria 09/17, em vigor desde 23 de julho, por força da publicação que ocorreu em 23 de junho.

Na terça-feira (08), o juiz Clésio Coelho Cunha, respondendo pela 3ª Vara Criminal, determinou a retirada da tornozeleira eletrônica imposta à advogada Paulyana Ribeiro. A decisão foi fundamentada no fato de a advogada não ter causado nenhum transtorno ao andamento do processo.

Assim, ante o exposto, de oficio, revogo a medida cautelar prevista no art.319, inc. IX do CPP, qual seja, a Monitoração Eletrônica, permanecendo inalteradas as demais, também previstas no art. 319, do mesmo códex, em seus incisos (…)”, diz trecho da decisão.

ENTENDA O CASO

Na semana passada, Paulyana denunciou ao Programa Abrindo o Verbo da Rádio Mirante AM, que teria sido vitima de corrupção e cárcere privado decretado pelo delegado de Polícia Civil, Avilásio Fonseca Maranhão Neto, da Delegacia do 7° Distrito Policial, em São Luís.


De acordo com as denúncias, os policiais empenhados na malfadada missão, teriam agido em entendimento clandestino com a Central de Monitoramento, setor de inteira responsabilidade da Secretaria de Administração Penitenciaria (Sejap), que exerceu o papel de atrair – através de um telefonema de uma mulher – a advogada/ monitorada até aquela repartição para outra finalidade, mas a fraude arquitetada visava a sua arbitraria prisão, mesmo sem estar em estado de flagrância ou com decreto prisional escrito por autoridade judiciária.

domingo, 13 de agosto de 2017

Feliz Dias dos Pais

Colégio Arco-íris faz festa em homenagem aos pais em Buriticupu.

Tia Adelina, proprietária do colégio Arco-íris de Buriticupu-MA, preparou na noite dessa sexta-feira(11), uma linda festa para comemorar o dia dos pais, com o tema, FESTA NA ROÇA.

Professores, funcionários, alunos, pais e convidados se trajaram a caráter e comemoraram na festa que sem dúvida é uma das mais aguardadas do ano no município.  
Além de participarem da tradicional gincana do papai, marca registrada da festa, os homenageados da noite foram agraciados ainda com brindes, músicas, poesias e apresentações teatrais.

Hoje é um dia em que os pais voltam a ser criança, quando vejo eles brincando interagindo uns com os outros sem se importar com suas posições sociais, me enche de felicidade e sinto que estamos alcançando os nossos objetivos que é cumprir o lema do Colégio Arco-íris QUEM AMA EDUCA.” Disse Tia Adelina  

O ambiente criado por tia Adelina e sua equipe é muito bom, a gente se sente parte da escola, com as brincadeiras voltamos a ser criança por algumas horas”. (Cássio Sousa, pai de aluno).

 Veja fotos dos melhores momentos: